Conheça os tipos existentes de agulhas para tatuagens

Não importa o estilo da tatuagem: para que ela tenha traços bem delineados e um sombreado perfeito, muitos fatores são importantes. A técnica e experiência do tatuador, a qualidade das tintas e equipamentos e, é claro, a escolha das agulhas para tatuagens são apenas alguns deles.

Os modelos de agulhas podem diferir em espessura, comprimento da ponta, número de agulhas soldadas e disposição de soldagem de cada uma, sendo esses fatores cruciais para a definição do traçado que se deseja realizar.

Quer entender melhor quais são os tipos de agulhas para tatuagens e suas aplicações? Confira o guia que preparamos para você:

Como estão classificadas as agulhas para tatuagens?

Em primeiro lugar, é importante saber que no mercado existem diversas categorias de espessura de agulhas para tatuagens. Veja alguns deles:

  • 06 (0,20 mm);
  • 08 (0,25 mm);
  • 10 (0,30 mm);
  • 12 (0,35 mm);
  • 14 (0,40 mm).

A diferença entre cada uma diz respeito à quantidade de tinta que se deseja injetar na pele: quanto menor a espessura, menor o orifício aberto na pele e, assim, menor a quantidade de tinta injetada.

A agulha de tamanho 06, por exemplo, é bastante fina e é utilizada para traçados bem delicados e preenchimento mais leve como (trabalhos sombreados). Por outro lado, as agulhas de tamanho 12 e 14 são ideais para traçados mais grossos e para preenchimento mais sólido das tatuagens (uma tribal ou old school, por exemplo).

Além da espessura, deve-se considerar também o tipo de ponta da agulha. As mais comuns no mercado são a Standard Taper — a mais utilizada — a Medium Taper, a Long Taper e a Extra Long Taper.

A diferença entre elas está no comprimento da ponta, ou seja, se ela possui afilamento mais abrupto ou mais gradual. Isso definirá o quão rápido a agulha penetrará na pele até atingir a espessura desejada e, consequentemente, a quantidade de tinta que será injetada.

Quais são os principais modelos de agulhas para tatuagens?

Além da espessura das agulhas e do comprimento das suas pontas, existem modelos diferentes relativos à disposição entre elas. Conheça a seguir os principais:

Round Liner (RL)

As agulhas RL são soldadas cerca de 3 mm antes da ponta, tendo menos espaço entre si e sendo mais afiladas. A quantidade de agulhas soldadas é o que determinará o tipo de linha traçada (superfina, fina, mais grossa ou preenchimento). De modo geral, utilizam-se entre 3 e 15 agulhas nesse modelo.

Round Shader (RS)

Esse modelo possui as agulhas soldadas em cerca de 5 a 6 mm da ponta — sendo algumas soldadas até 9 mm da ponta, dependendo do fabricante. São utilizadas, de modo geral, entre 7 e 18 agulhas. Essa conformação garante mais espaço entre as agulhas e, por isso, é o modelo ideal para pintura ou sombreamento, fornecendo um aspecto mais suave no trabalho.

Flat (F)

O modelo Flat possui agulhas soldadas de forma linear — reta ou curva — e aproximadamente 5 mm da ponta. É utilizada para pintura ou sombreamento.

Flat Alternada ou Magnum Trançada (M1)

O modelo M1 possui duas camadas de agulhas lineares soldadas de forma intercaladas entre si, sendo umas mais baixas e outras mais altas. Em geral, são usadas entre 5 e 15 agulhas. O formato final obtido enfrenta menor resistência da pele, sendo o padrão recomendado para pinturas mais sólidas e pesadas.

Flat de Duas Camadas ou Magnum Parelela (M2)

O modelo M2 possui duas camadas de agulhas lineares, assim como a M1. Porém, elas são soldadas paralelamente entre si. Por receber bastante resistência da pele, a M2 é indicada para pinturas mais pesadas.

Magnum Trançada Curvada ou Round Magnum (RM)

Esse exemplar possui diversas agulhas soldadas entre si de forma curvada, sendo recomendada para sombreamento mais suaves, preenchimentos coloridos e detalhes.

Como identificar a agulha certa para cada tatuagem?

Na verdade, como a tatuagem é um trabalho artístico, e não uma ciência exata, não existe uma resposta definitiva para essa pergunta. Existem diversos tipos de agulhas para tatuagens e cada uma delas possui uma função específica, permitindo o melhor acabamento dos traçados e criações com maior padrão de excelência.

De maneira geral, é importante que você tenha em mente que o tamanho da agulha precisa ser escolhido levando em consideração o tamanho do desenho e os detalhes que ele possui. A melhor maneira de aprender mais sobre cada uma delas e entender a mais adequada para cada caso é estudando as características de cada agulha.

Para facilitar a memorização, assista seu mentor e outros artistas escolhendo agulhas para tatuagens. Observe as escolhas feitas por eles para cada detalhe e tamanho de desenho.

Além disso, pratique! Faça desenhos de vários tamanhos, cores e detalhes e procure determinar qual é a agulha mais adequada para cada um deles. Certifique-se com o seu mentor de que você fez as escolhas corretas e procure entender onde errou.

Que cuidados devo tomar com as agulhas para tatuagem?

De nada adianta se tornar um expert na escolha das melhores agulhas para tatuagem se você não cuidar do seu material adequadamente. Não se esqueça de que agulhas de tatuagem são um material descartável que não deve, em nenhuma hipótese, ser reaproveitado. Além dos riscos de infecções e transmissões de doenças contagiosas, como a hepatite, a agulha perde o fio após o uso, o que torna o seu reaproveitamento totalmente inviável.

As agulhas para tatuagem podem ser compradas já esterilizadas, em embalagens individuais ou em pequenas caixas com várias unidades. Nesse último caso, é necessário que o profissional esterilize o material antes de utilizar por meio de estufa ou autoclave. As hastes de agulhas, por não terem contato direto com a pele do cliente, podem ser reutilizadas, desde que sejam corretamente desinfectadas e esterilizadas.

Se você tiver qualquer dúvida sobre os procedimentos de higiene e esterilização referentes ao trabalho do tatuador, uma boa ideia é consultar o manual lançado em 2009 pela Anvisa, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, que dispõe sobre o funcionamento dos estabelecimentos que realizam tatuagem e piercing.

Que outros materiais para tatuar devo conhecer?

Além das agulhas, o tatuador precisa conhecer bem outros materiais importantes de trabalho que podem ser determinantes na qualidade final do trabalho. Saiba quais são eles:

Biqueira

Trata-se de um tubo de aço cirúrgico com uma ponta no formato da agulha, por onde passam estas são inseridas após soldadas. Além de manter o instrumento alinhado na máquina, a biqueira permite que o tatuador tenha mais firmeza ao segurar a máquina, o que dá maior controle ao profissional sobre o trabalho a ser realizado.

Diferentemente das agulhas, as biqueiras podem ser reutilizadas, desde que esterilizadas e armazenadas corretamente. Existe uma biqueira adequada para cada tipo e tamanho de agulha.

Máquina de tatuagem elétrica

A máquina de tatuagem elétrica usa bobinas eletromagnéticas para inserir a agulha na pele de 80 a 150 vezes por segundo. Para funcionar, ela precisa estar acoplada a uma pedaleira ou pedal, que é usado para iniciar ou interromper o fornecimento de energia para o equipamento.

É importante pesquisar bastante antes de investir em novos equipamentos para seu estúdio: só assim você garante um serviço de real qualidade para os seus clientes.

Gostou das nossas dicas sobre os tipos existentes de agulhas para tatuagens? Então entre em contato conosco agora mesmo e descubra como nossos cursos podem ajudar você a se aperfeiçoar profissionalmente!


banner-ebook-2
Recent Posts